sábado, 11 de junho de 2011

Não vale chorar...















Primooooo te amo...(antes antipáticos que falsos)

( ps: Legenda dela no seu Albúm família no Orkut
E quanta gente pensava que fôssemos primos de sangue!
E devo dizer que nunca tive com minhas primas a amizade que tive com você!)

Kathinha

É muito tarde pra dizer “eu te amo”
E como eu amo...
Cada vez que remonto aquele sorriso
grande, fácil
Eu sinto vontade de te abraçar de novo
De te apertar de novo...
Em tão pouco tempo seu sorriso me ganhou
Seu imenso amor encheu minha vida
Você veio pra nos conquistar e assim o fez
Se fosse possível de se arrepender de coisas impossíveis
Eu, certamente, me arrependeria de não ter te conhecido antes
Hoje me peguei chorando muito por você
Olhando nossas fotos querida
Menina sapeca... menina feliz
Teu maior sonho ainda está aqui crescendo
E você não está mais aqui pra vivê-lo
Você não sabe quantas lágrimas me custou este texto
E ninguém saberá o quanto me doeu escrevê-lo...
Hoje posso reconhecer com toda minha força a falta que você me faz
Hoje posso reconhecer porque você distribuía tanto amor
Talvez você tivesse aprendido antes do que todos nós
Que a vida é passageira demais
Você esteve presente aqui por perto de mim
E me deu todo o amor que tinha
Hoje não posso dizer que te amo
Mas te amo, minha menininha!
Já chorei tanto, mas vou chorar o quanto for preciso
Mas minhas lágrimas NUNCA serão maiores do que a força do seu sorriso!
Saudades!

4 comentários:

  1. "Messilinha" Contive as lágrimas aqui ao ler essa linda homenagem p/ Katinha, faço suas minhas palavras, só de lembrar é inevitável o aperto no coração, mas ao mesmo tempo abro um sorriso ao mentalizar o SORRISO, todo dela, só dela que até hoje viaja nos nossos pensamentos... Estamos prestes a completar um ano sem a sua presença entre nós muita coisa aconteceu durante esse "longo" periodo mas a unica que gosto de saber é que a sementinha que ela plantou e deixou na terra esta crescendo, firme e forte, e tenho a grande certeza de que quando o Lucca estiver bem grandão vai se orgulhar de saber que sua mãe que hoje mora c/ o Papai do céu, cativou a todos que tiveram o enorme prazer de conhece-la ! Katinha... "Só enquanto eu respirar..."

    Doug

    ResponderExcluir
  2. Os amores que plantamos em nossas almas são eternos e indissolúveis. Linda homenagem a sua prima. Abraços querido.

    ResponderExcluir
  3. Que lindo o seu texto !
    Fiquei aqui com os olhos marejados... Que feliz deve ter ficado essa moça agora, com homenagem tão linda!
    Como diz aquela música: '... é preciso amar as pessoas , como se não houvesse amanhã...'
    Um abraço pra vc.

    ResponderExcluir
  4. caramba ... convivi tao pouco com ela ...
    mas este pouco ja me fez ... ficar emocionado ... so de lembrar ... da sua alegria d viver td intensamente ... otimo texto

    Boa freguez ...

    ResponderExcluir