sábado, 16 de abril de 2011

Finalidade



















O amar é ridículo
Ama-se para quê?
Me explique! E me calo
Ama-se para ser amado? Poupe-se!
Responda se puder...
É difícil encontrar uma finalidade
Responda-me: ama por quê?
Incontestavelmente, irás sofrer
Dolorosamente irás viver
Inconstantes serão teus sorrisos
Chorosas serão tuas palavras
Únicos serão teus sentimentos
Lógico que não sei o porquê
O amor é ridículo; e nós sem ele, o quê?

2 comentários:

  1. Thaiane Athanásio19 de abril de 2011 22:00

    Nossa, acabei de falar isso lá no Debaixo da Porta.
    Olha, ama-se porque é assim que nos mantemos vivos - amando! Amor é sinônimo de vida. E se o preço dele é caro e nos machuca, viver sem amor é apenas existir. Dói mais viver sem amar do que amar. Qual é a graça de viver sem sangrar se a cor do amor é vermelha? O amor é ridículo porque todo amor - ou pelo menos todo sujeito que ama - é infantil.

    Amo seus textos, Messias. Blá. Você já sabe muito bem disso.
    Beijo gigante!

    ResponderExcluir
  2. há quem diga que o amor é pretexto pra procriar a espécie. Seja como for, é tão bonito...e é a única coisa que dá sentido a tudo. Por que? Não sei, sei que é assim.

    ResponderExcluir