segunda-feira, 28 de março de 2011

Percepção



















Saí de casa desesperado
Ao perceber a invasão
Corri, fugi...
Sem sequer direção
Foi, foi amor
Foi o que fiz
Mas sabe quando a gente sai de casa as pressas
E tem aquela velha percepção?
Não adiantava mais fugir
Se havia deixado lá o coração!
Não há como fugir agora
Não resta dúvida, não há engano
É voltar pra casa
pegar o coração
E aceitar que te amo!

2 comentários:

  1. O medo, às vezes, nos regula e nos faz desperdiçar momentos importantes...

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Que lindinho.
    Inho porque é inocente =)

    ResponderExcluir