quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Hoje em dia


Hoje em dia
Livro
É uma coisa que preenche os espaços vagos da estante
Revista
É um lugar onde atrizes ensinam a manter a boa forma
Cadeia
É um lugar onde não é permitida a entrada de parlamentares...
Celular
É um lugar onde armazenamos nossas vidas
E chique mesmo é morar fora de casa!
Hoje em dia
Comer
É só um detalhe
A mesa fica vazia,
Porque sem ninguém na casa, esta fica fechada
Hoje em dia
Falar corretamente é cafona
Boa música tem que ter uma gostosona
E temos a impressão de que ser ou não bom dá na mesma
É só fachada
Porque não existe mais coisas como antes...
Foi-se o tempo em que havia bons programas de humor
E que TV era coisa pra família
Pai, mãe, filho, avo, avó e namorada
Sim! Foi-se o tempo em que
Um porque,
Por quê,
Por que ou o porquê errado me irritava
Hoje em dia
A internet distancia as pessoas que se julgam próximas
(e não vivemos mais sem isso)
E a globalização... É uma grande piada!
Sem contar nas peças que a vida prega
Para toda exceção existe uma regra,
Inclusive para esta que diz, que para toda regra há uma exceção
E digo mais:
Compressa
é um ato que se consuma devagar
Glande
é uma pequena parte de um grande corpo
Os grandes lábios
ficam longe da boca... quase sempre!
E o canal deferente
é igual em todos os homens
Breganha
é a palavra que usamos quando houve uma barganha de palavras
Agente
é um ser singularizado em sua profissão
Hoje em dia, o verbo dar,
tem se tornado intransitivo! (sentido completo)
E o meu principal motivo...
É na vida, transitar...
Até que chegue o amanhã...!

6 comentários:

  1. é amigo Messias, transitar por esta vida não é coisa fácil ... eu, que vivenciei uma outra realidade de mundo, e acompanhei todas transformações do mundo, por vezes me sinto meio q perdido, mas consigo me equilibrar e continuar transitando ... pior para aqueles cuja única referência é esta realidade presente ... enfim ...

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir
  2. adorei muito bom msm !
    ahh vlw pela visita !
    =)

    ResponderExcluir
  3. é por isso que eu gosto dos clássicos

    ResponderExcluir
  4. Porra se ferrar com tu consegue fazer essas porras. Muito foda.

    Um clássico dos teus poemas.

    ResponderExcluir
  5. É a inversão (ou subversão) de valores, amigo. De qualquer forma, constatar já é uma forma de protestar. Ou contestar. Com estilo!

    ResponderExcluir